Currículos criativos: destaque-se na hora da seleção
marketing

Currículos criativos: destaque-se na hora da seleção

Se você é um profissional da área criativa como marketing, publicidade e comunicação, o formato do seu currículo pode ser um grande diferencial no mercado de trabalho 

Sabe aquele velho ditado que diz sobre a primeira impressão ser a que fica? Ele cai muito bem quando o assunto é a elaboração de um currículo. Essa é a oportunidade que o candidato tem de atrair o contratante e ser convidado para uma entrevista. Para Renato Mendes, consultor de carreiras da plataforma de empregos job1, o fundamental é que o currículo do candidato demonstre seus diferenciais de forma prática e objetiva.

Para os profissionais que trabalham em áreas criativas, o famoso diferencial citado por consultores de carreira começa na elaboração do CV. Um designer, por exemplo, pode revelar suas habilidades no layout do currículo, já para um redator, é inadmissível um currículo com erros de português. “Enviar currículos criativos pode ser uma boa estratégia para aqueles que buscam um emprego ou estágio em agências de marketing, pois, pelo próprio currículo, os responsáveis pela contratação já poderão começar a avaliar o grau de criatividade, poder de síntese, estilo, senso de organização, entre outras características dos candidatos”, conta Pauline Machado, diretora da Legado Consultoria & Comunicação e especialista em Gestão de Pessoas.

Ela aponta dicas práticas para deixar o seu currículo turbinado. “O mais interessante é que se pode inovar de várias formas, das mais simples às mais elaboradas, indo da escolha da cor do papel a ser impresso, até a optar por enviar o currículo no formato de vídeo ou um portfólio online, por exemplo”. A dica para a maioria dos casos, em que o cv é enviado por e-mail, é fechar o arquivo em formato PDF, para facilitar a visualização do material.

Os currículos criativos também dizem muito sobre a personalidade do profissional, seus interesses, planos e sonhos o que é de extrema importância para criar laços de confiança com o contratante. “Ousadia deve fazer parte dos profissionais contemporâneos, mas com bom senso. Caso contrário, ela pode interferir negativamente na hora da contratação. Outra questão é que os currículos criativos devem ter “a cara” do candidato, não devem ser feitos pensando somente no impacto que vão causar, eles devem ter o estilo, a marca daquele profissional, algo que corresponda aos seus valores, atitudes e habilidades”, finaliza.

Aqui, na RRPix, nós gostamos de currículos criativos e pessoas criativas, mas assim, como Pauline, acreditamos que menos é mais e que a elegância sempre está no equilíbrio.

Confira dicas para elaborar um currículo atrativo:

  1. Não minta: por mais que um currículo mentiroso renda uma entrevista e até a contratação, a sua habilidade será testada no dia a dia e neste caso, o ditado “a mentira tem pernas curtas” veste como uma luva.

  2. Formação acadêmica, cursos de especialização e domínio de idiomas: formação é a base de um currículo. No caso dos idiomas, é importante, ainda que o candidato não seja fluente, indicar se está cursando algo.

  3. Resultados obtidos em projetos: destacar suas conquistas em empregos anteriores valoriza seu desempenho profissional e serve como diferencial.

  4. Valorize empregadores: diversas empresas são conhecidas pelo nome fantasia. Se você já trabalhou em algum lugar que é mais conhecido desta forma, deixe claro no currículo.

  5. Viagens para o exterior: aponte viagens feitas para outros países, seja a trabalho ou para estudo. Elas valorizam o currículo e devem ser destacadas.